Polícia prende acusados de furtar e vender camisas inéditas do Ceará
thiago-galhardo-lucas-verissimo-santos-ceara-1559507669314_v2_450x337

Polícia prende acusados de furtar e vender camisas inéditas do Ceará

A Polícia prendeu hoje duas pessoas acusadas de vender, de forma ilegal, materiais exclusivos do Ceará que serão apresentados oficialmente em evento marcado para amanhã (18).

Na última semana, um lote com 22 camisas oficiais e inéditas foi furtado enquanto era transportado para a capital cearense. Após alguns dias do furto, o clube identificou que as camisas estavam sendo comercializadas em um site de vendas e trocas da internet.

Diante disso, o departamento Jurídico do Ceará comunicou o fato para a Polícia, que, através do serviço de inteligência do 21º BPM, identificou os responsáveis pela comercialização ilegal. Os acusados da comercialização ilegal foram detidos e se encontram presos no 26º Distrito Policial.

Ainda segundo apurou o UOL Esporte, a Polícia identificou que as pessoas que furtaram as camisas eram as mesmas que as estavam vendendo ilegalmente.

“O Ceará Sporting Club lamenta profundamente o vazamento e a comercialização irregular do modelo 2019 do manto alvinegro. Mesmo com o ocorrido, temos a certeza do brilhantismo da festa oficial de lançamento da nova camisa nesta quinta-feira, 18/07”, diz nota do clube.

O Ceará ainda ‘agradece o trabalho das Polícias Militar e Civil do Estado do Ceará, bem como a equipe de segurança do clube, que atuou com agilidade e eficácia neste caso’.

FONTE: https://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2019/07/17/policia-prende-responsaveis-por-furtar-e-vender-camisas-ineditas-do-ceara.amp.html

18/07/2019- 10:46